21:01,13 de fevereiro de 2016

Entenda os perigos de ter maus hábitos alimentares no ambiente de trabalho

Postado por

Com mais de mais de 30 anos de experiência, a nutricionista Tânia Rodrigues já integrou a delegação brasileira em três Olimpíadas (Sidney, Atenas e Pequim), além de ter feito parte das comissões técnicas do Sport Club Corinthians e do Clube de Atletismo da BM&F Bovespa. Nesta entrevista para o blog Guru Wellness, ela explica por que boa alimentação e produtividade têm tudo a ver!

Como a nutrição se relaciona com os outros dois pilares que definem a plataforma Go!4Active, a atividade física e a mudança de comportamento?

A nutrição, atividade e a mudança comportamental são os três pilares que devem caminhar juntos para o alcance de melhora na qualidade de vida e do bem-estar. Mudanças de hábitos requerem tempo, incentivo e estímulo durante um determinado período; só assim podem ser geradas mudanças comportamentais.

Como você definiria a relação entre a rotina de trabalho e a nutrição dos indivíduos nos dias atuais?

Muitos indivíduos trabalham sob pressão, lutando contra o tempo e em locais de trabalho não tão favoráveis para uma alimentação saudável. Além disso, a oferta de alimentos de rápido consumo (fast food) nem sempre auxilia na escolha correta da alimentação.

Dentre os principais erros podemos destacar:

  • Comer na mesa de trabalho
  • Pular refeições
  • Ficar muito tempo sem se alimentar
  • Comer muitos alimentos industrializados e poucos alimentos in natura (como frutas e nuts)
  • Comer rápido

O que os empregadores podem fazer para melhorar o padrão nutricional de seus colaboradores?

Sabemos que os hábitos são influenciados na coletividade. Na escola, por exemplo, as crianças querem comer o que os colegas comem. Na adolescência, os grupos se reúnem para comer juntos na cantina, na saída da escola. No trabalho, a mesma coisa. É o local onde passamos maior parte do nosso tempo. Implantar hábitos de alimentação saudáveis faz com que o grupo estimule cada indivíduo.

Quais benefícios as empresas podem obter com a mudança nos hábitos nutricionais de seus colaboradores?

Diversos estudos mostram a diminuição do absenteísmo, do afastamento por doenças crônicas e a redução com gastos em saúde. Além disso, um funcionário com hábitos de vida saudáveis tem mais disposição e energia para o dia a dia.

Do ponto de vista da nutrição, quais são os ganhos individuais para os participantes de programas de wellness?

Melhora dos hábitos alimentares em geral, conhecimento de novos alimentos, descoberta de novos sabores, reeducação alimentar do indivíduo e de seus familiares (muitas das metas são realizadas na casa do colaborador, o que estende os benefícios do programa a seus familiares).

Voltar compartilhe

Artigos em destaque

ENTENDA POR QUE SE HIDRATAR DURANTE O EXERCÍCIO
Postado por Tânia Rodrigues

Durante a atividade física, uma quantidade significativa de calor é gerada pelos processos de contração e relaxamento dos músculos em atividade...

PERFORMANCE AO ALCANCE DE TODOS
Postado por Marcello Butenas

Quando comecei meu trabalho de orientação e preparação de atletas, tinha a ideia de que a palavra performance estava diretamente ligada aos atletas de alto nível, já que o número de atletas praticantes...

O QUE É, PARA QUE SERVE E QUAIS CUIDADOS TER COM A CREATINA
Postado por Tânia Rodrigues

A Creatina é sintetizada no organismo a partir de 2 aminoácidos: glicina e arginina, obtidos a partir da degradação de proteínas da dieta ou dos...